Dores reumáticas pioram no frio? Conheça mitos e verdades sobre essas doenças

Com a chegada do inverno, o clima tende a ficar mais ameno. Nessa época, muitos pacientes reumáticos tendem a sentir mais dores, associando naturalmente a baixa temperatura à piora no quadro da doença.

No entanto, a médica reumatologista pediátrica e presidente da Sociedade de Reumatologia do Espírito Santo, Aline Fraga, esclarece que, apesar de o frio intensificar alguns sintomas, as doenças não pioram nem surgem devido às baixas temperaturas.

“O problema é que, quando sentimos frio, temos tendência a fazer menos exercício físico e nos encolher para preservar o calor do organismo. Esse gesto contrai tecidos, tendões e músculos, além de dificultar a circulação sanguínea. Existindo uma lesão prévia, como é o caso dos pacientes reumáticos, o paciente tende a sentir maior rigidez e piora na dor nas juntas”, explicou a médica. “Pés e mãos, naturalmente, sofrem mais com o frio, já que neles a temperatura corporal é menor, e isso piora se o paciente tem algum problema de circulação”.

Por outro lado, embora o frio não seja diretamente responsável pelo aumento da sensação de dor, o uso de bolsas térmicas, banho quente e a proteção contra o frio são recomendações para quem tem doença reumática. “O calor ajuda a relaxar músculos, tendões e ligamentos, além de aumentar a circulação sanguínea, o que alivia a pressão sobre as articulações”, recomendou a médica.

Aline Fraga explica que as doenças reumáticas são um grupo extenso de doenças autoimunes que não atingem só as articulações, músculos, ligamentos e tendões, mas também órgãos internos, como cérebro, rins e coração. Esclarece também que um dos fatores que favorecem a piora do quadro do paciente reumático é o estresse. “O mesmo fator externo pode provocar respostas diferentes nos pacientes. Inclusive, o frio pode ser um dos fatores estressantes e causar uma piora nas dores”, concluiu.

Fonte: http://eshoje.com.br/dores-reumaticas-pioram-no-frio-conheca-mitos-e-verdades-sobre-essas-doencas/

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading...
%d blogueiros gostam disto: